Por fim, portanto, no entanto ou, entretanto..
"Moço, desculpe meu jeito largado, meu cabelo bagunçado, meu sorriso forçado, meu andar despojado. É que ainda não faz parte do meu ser, aquela história de saber olhar as horas nos relógios de ponteiro, ou dizer pra que lado fica a direita, ou a esquerda, sem lembrar com qual mão escrevo. Não tenho senso de direção, e claro que isso inclui meu coração." (Neologismo)
"É assim que ficam os meus olhos, é assim que fica o meu mundo, quando a saudade se aconchega no meu colo, quando a velhice brinca comigo…Os olhos normais veem as ruas, os muros, os jardins, do jeito mesmo como eles são , do jeito como apareceriam se deles se tirasse uma fotografia. Já os olhos que a saudade encantou ficam dotados de estranhos poderes mágicos: eles veem as ausências, o que não está lá mas que o coração deseja."
×

Sobre o tempo e a eternidade

(via biblioteca-decitacoes)